Animais silvestres são apreendidos em veterinária de Campo Grande – Notícias


A Polícia Civil apreendeu, nesta quinta-feira (20), um lagarto e uma tartaruga sem licença durante buscas na clínica veterinária Valverde, em Campo Grande, zona oeste do Rio de Janeiro. A investigação no local foi determinada pelo delegado Antônio Ricardo.


De acordo com a polícia, a empresa pertence a um homem de 43 anos que foi preso em flagrante na última terça-feira (18) em uma operação da DPMA (da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente). O objetivo era cumprir mandados de busca e apreensão em outros três estabelecimentos do suspeito.


A ação de hoje ocorreu devido à denúncias feitas pelas redes sociais da delegacia especializada após a divulgação da prisão do proprietário da veterinária por maus tratos, posse irregular de animais silvestres e armazenamento de medicação imprópria para uso.


Ainda segundo a polícia, os animais foram encaminhados para o Centro de Triagem de Animais Silvestres do Ibama para tratamento e reinserção em seus habitats naturais.


Outra apreensão


Nesta quarta-feira (19), 11 cães que viviam em condições de maus tratos foram retirados do CRASM (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres da Serrinha do Mendanha), em Campo Grande. O local também pertence ao homem detido na terça-feira (18).


A Polícia Civil informou que foram resgatados, ao todo, 36 cachorros em todos os estabelecimentos pertencentes ao suspeito.


Uma ONG (Organização Não Governamental) ofereceu lar temporário aos animais para que recebam tratamentos veterinários e os cuidados necessários.

link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here